CONGRESSO DA VIDA RELIGIOSA CONSAGRADA

abril 19, 2015

 Reunidos, em Aparecida (SP),entre os dias 7 e 10 de abril cerca de 2 .200 consagrados e consagradas, entre eles três Religiosos e três Religiosas da nossa Diocese de Marilia   encontraram  unidade na diversidade de carismas e expressões entre Consagrados e Consagradas de vida ativa, contemplativa  e missionaria . O cardeal Dom Raymundo Damasceno demonstrou admiração pelo número de participantes e se manifestou contente com a presença de tantos religiosos e religiosas em sua Arquidiocese. “De fato, ter 2.200 religiosos reunidos aos pés de Nossa Senhora Aparecida, padroeira do Brasil, é algo, realmente, extraordinário”,  afirmou.
O prefeito da Congregação para os Institutos de Vida Consagrada e as Sociedades de Vida Apostólica, o Cardeal Dom João Braz de Aviz, enviou uma  mensagem aos Religiosos e Religiosas reunidos no congresso por meio de um vídeo diretamente de Roma. O cardeal em sua mensagem  destacou o conteúdo  do documento do Papa Francisco para o Ano da Vida Consagrada  que nos convida a olhar o passado, a Historia de cada Instituto com suas dificuldades e desafios que tiveram que enfrentar através dos tempos ,e comtemplando este  passado  reacender o ardor da vida entregue a Deus pelos votos de pobreza castidade e obediência.
 O evento teve como tema "Assumir o núcleo identitário da vida consagrada: atitude profética, processo mistagógico”, e o lema "Não ardia o nosso coração quando Ele nos falava pelo caminho? (Lc 24,32)”, à luz do tema do Ano da Vida Consagrada proposto pelo Papa Francisco, "Vida Consagrada na Igreja hoje: Evangelho, profecia e esperança”.
 A programação do Congresso Nacional da Vida Consagrada inclui momentos de estudo, partilha e oração. As atividades aconteceram no Centro de Eventos Padre Vitor Coelho, mas na noite de quarta-feira, 08/04, após um dia centrado na espiritualidade, os mais de 2 mil participantes do Congresso subiram ao Santuário Nacional de Nossa Senhora Aparecida para a Celebração da Luz. Na casa da Mãe, a discípula missionária da primeira hora, consagrados e consagradas rezaram  entre cânticos, salmos e orações, milhares de velas foram acesas na luz do Círio Pascal indicando que a vocação da Vida Consagrada está alicerçada em Cristo Ressuscitado que é Luz que ilumina a caminhada.
Durante o Congresso, a Irmã Franciscana da Providência de Deus, médica cirurgiã,  Marlene Aparecida Vanzi foi enviada em missão para o Haiti. Devastado por um terremoto em 2010, o pais vive uma crise humanitária dependendo de ajuda internacional. A celebração Eucarística foi presidida por  Dom Sérgio Arthur Braschi, bispo da Diocese de Ponta Grossa - PR e presidente da Comissão para a Ação Missionária da CNBB. “Sinto-me privilegiada em ser chamada para ajudar o povo do Haiti. São muitos os desafios, mas Deus está na frente e vamos viver uma experiência de Igreja com povo haitiano procurando ajudar aos doentes e mais necessitados”, declarou a religiosa que nos próximos três anos se dedicará a missão no Haiti.
A celebração de encerramento foi concelebrada pelo bispo auxiliar de Aparecida (SP), dom Darci José, pelo Bispo Auxiliar de São Paulo, dom Júlio Endi Akamine, pelo bispo de Ponta Grossa (PR), dom Sérgio Braschi e diversos sacerdotes e consagrados. Em sua homilia, dom Pedro Brito deixou uma mensagem de apoio e encorajamento a todos os consagrados e consagrados presentes na Basílica de Aparecida.
“Queremos atender ao pedido do Papa Francisco, ‘viver o vigor do Evangelho’ e anunciá-lo. A Palavra de Deus é ponto central em nossas vidas”, afirmou.
O Arcebispo de Palmas ressaltou três elementos importantes aos religiosos para que possam beber da fonte do Evangelho.
Referindo-se a Primeira Leitura dos Atos dos Apóstolos (4,1-12), o Arcebispo destacou o primeiro elemento: ‘A cadeia’. “Pedro e João estavam presos por anunciar a ressurreição dos mortos na pessoa de Jesus e devemos pensar nas centenas de pessoas que deram suas vidas pela Palavra de Jesus”. Do Salmo (117,1-27A), dom Pedro destacou o segundo elemento ‘A pedra’. “A pedra que os pedreiros rejeitaram, tornou-se agora a pedra angular. A pedra tem dupla valência. Jesus é a pedra que o mundo rejeitou e que devemos trazer em nosso coração”, completou.
No Evangelho (JO 21,1-14) trouxe o terceiro elemento ‘A rede’. “A bela aparição de Jesus aos seus discípulos, com a pesca milagrosa, onde Jesus toma o pão e distribui a eles. Jesus serve aos seus discípulos”, finalizou dom Pedro Brito.
Ao final da celebração, a presidente da Conferência dos Religiosos do Brasil, Irmã Maria Inês Vieira Ribeiro, mad, e a presidente da Confederação Latino-americana e Caribenha de Religiosos e Religiosas, Irmã Mercedes Casas Sanchéz, da Colômbia, agradeceram a numerosa a participação dos religiosos no Congresso e ressaltaram que o encontro deixou muitos frutos para a Vida Consagrada através de suas reflexões e troca de experiências.
“O Congresso foi um sucesso do amor de Deus e de Nossa Senhora. Tudo aconteceu com muita normalidade e seriedade por parte de todos os consagrados e consagrados de todo o Brasil. Isto representa uma seriedade no compromisso que todos têm com o povo de Deus. Aqui viemos para nos reabastecer, refletir e rezar agradecendo a Deus o grande dom da vida consagrada”, afirmou Ir. Maria Inês.



Ir. Miguel, FGMC

veja também

0 comentários

Visite-nos

Mosteiro da Divina Misericórdia
Estrada Vicinal João Lopes da Silva
Km 6, Baliza
Lucélia-SP

Contato

Mosteiro da Divina Misericórdia
Caixa Postal 25
CEP 17780-000
Lucélia-SP
Telefone: (18) 99723-1993

Vocacional

Ir. Gabriel, FGMC
vocacionalmisericordia@hotmail.com
(14) 99800-1328